Segunda, 27 Outubro 2014 19:04

Marcas viraram mídia

Marcas viraram mídia

 

Se a marca cria uma revista e o público segmentado se interessa pelo conteúdo, passa a acompanhar aquela revista com os temas que são de interesse da marca. Vide as revistas de companhias aéreas [Voe Trip], e mais recentemente as rádios [Rádio Sulamérica Trânsito]. No mundo digital os bons exemplos são os blogs com sua extensão para as redes sociais.

Quando a empresa assume o papel de mídia, passa a ser um prestador de serviço do tema adotado, contribuindo com conteúdo de qualidade e relevância ao seu público. Devendo respeitar a ética do jornalismo, da prestação de serviço, de periodicidade, enfim, dos pontos essenciais de um veículo de comunicação, onde a publicidade da empresa passa a ser coadjuvante. 

Neste papel de mídia a marca deve ser próxima, amiga das pessoas, a quem o consumidor irá confiar.

Devemos lembrar que, antes, o consumidor era desinformado. 

Atualmente, além de informado é engajado. As pessoas comentam - reclamam - propagam suas alegrias e principalmente suas aflições com produtos e serviços que não atenderam suas expectativas, e com o poder das redes sociais, tal engajamento deve ser de muita vigia.

Eliane Bastos
Consultora de Marketing
Quer conversar mais comigo, você me encontra na fanpage - Dicas de Marketing - 

 

Adicionar Comentário


You are here Home